SEGUIDORES DO MURAL

domingo, 22 de abril de 2012

EVEL PIOR TRANSPORTE DE VIAMÃO




  Evel Expresso Veraneio Ltda pior transporte de Viamão. Como  a cidade Viamão vai evoluir se o transporte está precário, como superlotação, ônibus velho, poucos horários, com a passagem no valor de R$3,10 e ainda pior com ônibus circular, piorando a situação do transporte aos domingos. Linha Julia que foi extinta aos domingos prejudicando moradores que utilizam o transporte, tem que se contentar com o ônibus circular. Sendo que o passageiro vai ter que pegar outra linha (Augusta) para poder chegar a Porto Alegre, rezando que não esteja superlotado. A Linha Augusta Via Assis Brasil, poucos horários e intervalo maior prejudicando os que utilizam este trajeto de segunda a sábado. Não vamos esquecer os atrasos, poucos ônibus adaptáveis para deficientes físicos e falta de educação de alguns motoristas, cobradores e fiscais com seus usuários. Pelo menos nossos idosos estão podendo passar pela roleta, utilizando o cartão de isento, que foi implantado este ano, pois sofriam esmagados, como sardinhas na parte da frente, do ônibus. Até quando os usuários que utilização as linhas da Evel Expresso veraneio Ltda. vão sofrer, para ter um transporte digno que Viamão merece? Se usuários que utilizam este transporte quiser fazer uma viagem digna, sentados e com ar condicionado, claro se estiver funcionando... Tem que usar as linhas executivas e pagar uma tarifa maior.  Moradores de Viamão que utilizam a Evel Expresso veraneio Ltda., de seu comentário e compartilhe está postagem. A população agradece!


NOTA QUE SAIU NO JORNAL CORREIO DO POVO
ANO 117 Nº 153 - PORTO ALEGRE, QUINTA-FEIRA, 1 DE MARÇO DE 2012

Viamão

Usuários reclamam do transporte

Um abaixo-assinado contra mudanças nos itinerários de ônibus da Expresso Veraneio Ltda. (Evel) está sendo organizado pelos usuários da empresa. O motivo é a criação de uma Linha Circular, aos domingos e feriados, que integra cinco bairros de Viamão com conexão com linhas de Porto Alegre. Moradores que circulam entre a Capital e a cidade vizinha reclamam que os horários ficaram mais restritos. A empresa alega que disponibilizou mais opções aos passageiros.

A criação da linha circular aos domingos e feriados abrange os bairros Florença, Jari, Vila Júlia, Augusta Fiel e Antônio Batista. "No domingo não tem mais o horário das 22h45min e das 00h05min, te obrigando a pegar o das 23h45min. Aí tenho que descer na avenida Protásio Alves, no Passo Dorneles, e demora para vir o segundo ônibus da baldeação", reclama Marco Aurélio Cassenott, funcionário de um hotel no Centro da Capital e morador da Vila Júlia, em Viamão. Ele relata que, após a mudança, chegou a voltar para casa às 1h30min de segunda-feira, enquanto que, nos demais dias, chega às 23h30min. "Antes eu ficava em frente à minha casa. Agora tenho de fazer ''turismo''. Tu desces no Passo Dorneles e faz toda a volta na Vila", explica.

Segundo o coordenador de Planejamento Operacional da Fundação Estadual de Planejamento Metropolitano e Regional (Metroplan), Jackson Lopes, cinco reuniões foram feitas com a comunidade, com a presença do Legislativo, antes de serem implementadas as alterações. Ainda assim, o projeto entrou em operação em caráter experimental, com prazo de 90 dias. Após o período, poderá ser interrompido ou passar por ajustes. "Disponibilizamos a todos os usuários a possibilidade de ir a qualquer ponto da cidade, o que antes eles não tinham." A Evel destacou ainda que proporcionou mais horários com veículos adaptados para portadores de deficiências.