SEGUIDORES DO MURAL

quinta-feira, 2 de julho de 2015

Amigão

Sou o amigão, esses dias falei aqui com vocês da minha história e de como gostaria de ter um lar para brincar e encher de amor. Pensei que dessa vez conseguiria realizar meu sonho, disseram para meus amigos da 101 que queriam me adotar. Ontem fui castrado e me arrumei todo para ir para minha casinha. Minhas amigas que me amam foram me levar, a viagem foi longa e mesmo recém operado estava super contente, pois uma pessoa me queria mesmo com as rodinhas e disse que cuidaria de mim depois da cirurgia. Parecia um verdadeiro sonho, pensei que dessa vez tinha encontrado um humano legal para chamar de meu e que me aceitaria como eu sou, foi o que falaram pra mim. Mas hoje de manhã fiquei sabendo que iria embora, acham que dou muito trabalho, mas não tenho culpa de ser assim. Porque me falaram que me queriam como eu era, se, não era verdade? Hoje pela manhã me devolveram no sítio da ONG, estava com dorzinha da cirurgia, mas a dor de voltar para o canil é muito maior. Só queria uma casa para poder brincar e correr, adoro passear com minhas rodinhas... Parecia verdade, mas não foi dessa vez. Eu e meus amigos da 101 estamos tristes e cansados de tanta correria. O que preciso agora é que me ajudem, que ajudem o pessoal da ONG doando dinheiro, ração ou um piso, daqueles de borracha antiderrapante, sabe? Infelizmente só consigo me mexer me arrastando e o piso aqui não é bom para isso, ainda mais pós cirurgia... Aqui o piso é frio e as tias da ONG só querem meu bem... Ainda tenho esperança que um dia alguém me dê um lar, e queira me amar do jeitinho q eu sou. Só espero que não demore muito, mas vou continuar esperando.