SEGUIDORES DO MURAL

quinta-feira, 19 de julho de 2012

TIRANDO PÓ DO BAÚ... AMOR BANDIDO

VOCÊ LEMBRA?
AMOR BANDIDO-JOANA (1987)
Fale quem quiser falar
Desse jeito não dá pra ficar
Vou dar um tempo
Tudo o que eu podia eu fiz
Vou tentar de novo ser feliz
Vou dar um tempo
Mas eu quero te deixar e não consigo
Bate forte o coração
E começa a minha indecisão
Uma parte quer viver

Outra parte diz que sem você
Não vale a pena
Penso em tudo que ficou
Tanta coisa a gente já passou
Valeu a pena
Como posso te deixar amor bandido
Eu me acostumei demais
Nosso amor ninguém na vida faz
Pode o
mundo se acabar
Que vontade de te dar
O meu amor que eu guardei pra gente
Pode o mundo se acabar
Que vontade de te dar
Meu coração que quer ver você
Pra sempre, pra sempre, pra sempre
Sempre que eu tentar tirar

Você de mim eu vou perder
Essa tua inspiração
Que me dá forças pra viver
Só você pra seduzir
E me matar de emoção
Eu me acostumei demais
Nosso amor ninguém na vida faz
Pode o mundo se acabar

Que vontade de te dar
O meu amor que eu guardei pra gente
Pode o mundo se acabar
Que vontade de te dar
Meu coração que quer ver você
Pra sempre, pra sempre, pra sempre
Pode o mundo se acabar

Que vontade de te dar
O meu amor que eu guardei pra gente
Pode o mundo se acabar
Que vontade de te dar
Meu coração que quer ver você
Pra sempre, pra sempre, pra sempre
Pra sempre

Pode o mundo se acabar

Que vontade de te dar
O meu amor que eu guardei pra gente
Pode o mundo se acabar
Que vontade de te dar
Meu coração que quer ver você
Pra sempre, pra sempre, pra sempre.
Compositor: Michael Sullivan - Paulo Massadas